sábado, 14 de novembro de 2009

VAMOS QUEBRAR AS MALDIÇÕES


Porque Maldições?

A maioria do povo e de cristãos não se dão conta de que muitas vezes sofremos porque nossa vida está sobre influência de uma maldição. Maldição esta colocada em nós sem o nosso consentimento ou muitas vezes até sem saber, pela pessoa que nos amaldiçoou ou por desobediência a palavra de Deus, como vemos no versículo a seguir.

“Será, porém, que, se não deres ouvidos à voz do SENHOR teu Deus, para não cuidares em cumprir todos os seus mandamentos e os seus estatutos, que hoje te ordeno, então virão sobre ti todas estas maldições, e te alcançarão:” Deuteronômio 28:15

No livro da lei de Deuteronômio, está escrito em várias passagens sobre como as maldições nos alcançariam e por esse motivo devemos voltar lá e ler, meditar e refletir bastante sobre as promessas de Deus. Como está escrito neste livro, são promessas eternas, ou seja, para todo o sempre.

Geralmente trazemos da nossa infância, maldições colocadas pelos nossos próprios pais e parentes como, por exemplo:

- você vai ser ruim igual o seu pai;

- você não vai ser nada na vida;

- nem sei por que você nasceu?

- você era para ter nascido homem e não mulher;

- se você não aprender a ler vai ficar burro; etc.

Essas maldições muitas vezes são lançadas sobre nossas vidas num momento de dificuldades que passávamos ou na tentativa de tentar mudar a conduta da pessoa, mas existe poder nas palavras e elas são roubadas por satanás, por isto devemos pensar muito antes de proferir alguma coisa sobre a vida de alguém.

“Sede sóbrios e vigilantes. O diabo, vosso adversário, anda em derredor, como leão que ruge procurando alguém para devorar”. 1º Pedro 5:8

“De uma mesma boca procede à bênção e maldição. Meus irmãos não convêm que isto se faça assim.” Tiago 3:10

Existem também maldições que herdamos, como por exemplo, quando vamos ao médico e ele pergunta se existe alguém na família com esses mesmos problemas. Quando falamos que sim ele logo fala que provavelmente teremos a mesma coisa, pois a genética nos indica que herdamos tudo deles.

Nesse ínterim ficamos calados e aceitamos a maldição lançada sobre nós. Existem também algumas maldições que sempre falamos com uma pessoa quando tenta fazer uma coisa e não dá certo, nesse momento falamos você nunca vai conseguir fazer isto, etc.

Temos que tomar muito cuidado quando proferimos alguma coisa sobre alguém, pois poderemos ser o responsável em lançar maldições sobre a vida delas.

Às vezes falamos outras coisas até sem pensar, como, você vai ficar doido se continuar assim. Você vai é virar bandido se ficar vendo estes filmes. Muitas vezes falamos com nossos filhos desta maneira. As palavras têm poder. A seguir deixo uma série de versículos para reflexão, sobre maldições.

“Pelo pecado da sua boca e pelas palavras dos seus lábios, fiquem presos na sua soberba, e pelas maldições e pelas mentiras que falam.” Salmos 59:12

“Depois o sacerdote escreverá estas mesmas maldições num livro, e com a água amarga as apagará.” Números 5:23

“E todas estas maldições virão sobre ti, e te perseguirão, e te alcançarão, até que sejas destruído; porquanto não ouviste à voz do SENHOR teu Deus, para guardares os seus mandamentos, e os seus estatutos, que te tem ordenado;” Deuteronômio 28:45

“Assim diz o SENHOR: Eis que trarei mal sobre este lugar, e sobre os seus habitantes, a saber, todas as maldições que estão escritas no livro que se leu perante o rei de Judá.” 2º Crônicas 34:24

Como cristãos temos uma responsabilidade muito grande sobre este assunto, pois sabemos de como são lançadas as maldições sobre nossas vidas. Para que possamos estar livre devemos passar por um processo de libertação, pois muitas maldições estão enraizadas na nossa alma e só com ajuda teremos condições de ficar livres.

Em primeiro lugar devemos limpar nossa casa espiritual para que Jesus possa entrar Apocalipse 3:26 Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e cearei com ele, e ele comigo”, e lavar nossa alma, pois o sangue DEle foi derramado na cruz para nos libertar de toda opressão do inimigo. Essa opressão vem através das brechas pelo pecado e pelas maldições lançadas sobre nossas vidas. Você papai tenha muito cuidado quando for falar ao seu filho, abra a boca para falar ao seu filho coisas que irão torná-lo uma pessoa de bem e não para proferir maldições sobre a vida dele, que no caso irá afetá-lo até que ele possa passar por um processo de libertação.

Muitas pessoas hoje andam daqui e dali a procura de uma solução para problemas de doenças, coisas que nem mesmo os médicos podem diagnosticar e que na realidade estão na alma. Quando encontram um homem ou mulher de Deus que podem ajudar são limpas as suas feridas da alma e o processo de cura vem imediatamente. Jesus deixou bem claro e foi transcrito por Mateus e Lucas.

“Pedi, e dar-se-vos-á; buscai, e encontrareis; batei, e abrir-se-vos-á.” Mateus 7:7

“E eu vos digo a vós: Pedi, e dar-se-vos-á; buscai, e achareis; batei, e abrir-se-vos-á;” Lucas 11:9

2 comentários:

  1. Graça e paz!
    “Andando” por aí cheguei até o seu Blog e quero te parabenizar pela bênção que pude ver aqui.
    Já estou te seguindo e será uma honra te receber no pastoragente.blogspot.com.
    Se quiser segui-lo vai ser uma alegria pra mim.
    No blog conto da forma mais realista e divertida possível as realidades, dúvidas e experiências de uma simples pastora como eu.
    Fique na paz. Um abraço.

    ResponderExcluir
  2. Tá muito bacana seus textos, hein pai, parabéns, que Deus continue a te inspirar cada dia mais...
    To orgulhosa, hein, fico feliz, pois é assim que a palavra vai sendo difundida por todos os cantos.
    Te amo. É estranho, porque geralmente nao falamos isso aqui em casa, mas com certeza é o que todos nós sentimos uns pelo outros.
    Fabrícia

    ResponderExcluir

MOMENTOS DE ANGUSTIA E AFASTAMENTO DE DEUS

E, entrando ele no barco, seus discípulos o seguiram; E eis que no mar se levantou uma tempestade, tão grande que o barco era coberto pe...