sábado, 15 de agosto de 2015

O AMOR DE DEUS

Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.
Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que condenasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele.
Quem crê nele não é condenado; mas quem não crê já está condenado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus.
E a condenação é esta: Que a luz veio ao mundo, e os homens amaram mais as trevas do que a luz, porque as suas obras eram más.
Porque todo aquele que faz o mal odeia a luz, e não vem para a luz, para que as suas obras não sejam reprovadas.
Mas quem pratica a verdade vem para a luz, a fim de que as suas obras sejam manifestas, porque são feitas em Deus. 
João – Capítulo 3 versos de 16 a 21


O Apostolo João quando escreveu seu evangelho deixou para nós uma mensagem muito bonita e uma das mais importantes, pois ele mostra claramente que a nossa salvação está relacionada diretamente com a aceitação de Jesus como nosso Senhor e Salvador. Ele fala também que aquele que não crê não receberá a salvação.

No versículo 21 do capítulo 3, João deixa evidente que quem faz o mal não quer viver na luz e vive em trevas. Muitos hoje neste mundo estão vivendo em trevas, pois odeiam a luz e fazem muito mal aos outros. Muitas vezes estas pessoas acham que o que estão fazendo está lhe trazendo benefícios, mas a verdade é que no final todos seremos cobrados pelo que fizemos ou o que deixamos de fazer.

Quando uma pessoa usa mal um poder que está investido e faz tudo em benefício próprio ou deixa de fazer o que seria correto está em pecado, pois antes de tudo o seu poder lhe foi dado em primeiro lugar por Deus e não pelo homem, neste caso muitos serão prejudicados e nisto pode ter certeza que virá uma cobrança muito forte sobre esta pessoa e seus descendentes também sofrerão com isto.

Muitos estão cegos a respeito das coisas espirituais e vivem apenas o momento esquecendo que no final das contas todos um dia estaremos diante do Trono de Deus para prestar contas.

Meus filhinhos, estas coisas vos escrevo, para que não pequeis; e, se alguém pecar, temos um Advogado para com o Pai, Jesus Cristo, o justo. 1 João – Capítulo 2 verso 1

Nós temos um advogado junto a Deus que nos permite arrepender-se do erro e voltar ao caminho do bem, mas para isto precisamos conhecê-lo. Ele veio ao mundo e muitos o negaram, não acreditaram no seu discurso, pois Ele nos chama a rever nossos modos e aceitá-lo como Senhor e Salvador da nossa vida. Ele falou e testificou, pois como está em João capítulo 1, versículos de 1 a 14, Ele se fazia presente no momento de toda a criação.

Aquele que vem de cima é sobre todos; aquele que vem da terra é da terra e fala da terra. Aquele que vem do céu é sobre todos.
E aquilo que ele viu e ouviu isso testifica; e ninguém aceita o seu testemunho.
João – Capítulo  3 versos 31 e 32

Diante dos nossos pecados temos uma certeza que Deus jamais nos desamparou, sempre esteve conosco nos dando o maná de dia e o calor do fogo à noite, como Ele fazia com o povo que saiu da escravidão do Egito. Deus é amor, bondade e misericórdia e por isto temos sempre que lembrar que antes de qualquer coisa Deus está à frente e só Ele pode nos ajudar a vencer as dificuldades deste mundo tenebroso.

E nós conhecemos, e cremos no amor que Deus nos tem. Deus é amor; e quem está em amor está em Deus, e Deus nele. 1 João – Capítulo 4 verso 16

Pois tu, Senhor, abençoarás ao justo; circundá-lo-ás da tua benevolência como de um escudo. Salmos 5 verso 12


Transcrições Bíblicas – Almeida Corrigida e Revisada Fiel – Bíblia Online

O HOMEM E O PECADO

E criou Deus o homem à sua imagem; à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou.  Gênesis – Capítulo 1 verso 27 Como também nos el...