quinta-feira, 10 de abril de 2014

PORQUE NÃO COMEMORAMOS A MORTE DE JESUS TODO ANO?

Porque eu recebi do Senhor o que também vos ensinei: que o Senhor Jesus, na noite em que foi traído, tomou o pão;
E, tendo dado graças, o partiu e disse: Tomai, comei; isto é o meu corpo que é partido por vós; fazei isto em memória de mim.
Semelhantemente também, depois de cear, tomou o cálice, dizendo: Este cálice é o novo testamento no meu sangue; fazei isto, todas as vezes que beberdes, em memória de mim.
Porque todas as vezes que comerdes este pão e beberdes este cálice anunciais a morte do Senhor, até que venha.
1 Coríntios - Capítulo 11 verso 23 a 26


O ensinamento que Jesus deixou para nós a respeito da sua morte foi que quando participássemos da Santa Ceia, lembrássemos do seu martírio no calvário e não que deveríamos numa época específica comemorar todo aquele martírio pelo qual Ele passou desde a sua prisão até sua crucificação no calvário. Jesus disse sim que nós deveríamos lembrar sim da real finalidade de todo o martírio pelo qual Ele passou inclusive no nosso lugar, pois se Ele não estivesse vindo e morrido por nós quem iria ter que passar pelo martírio seriamos nós.

Devemos lembrar sim da ressurreição, pois ao terceiro dia Ele subiu aos céus e prometeu que irá voltar para nos buscar um dia que só Deus Pai sabe.

O povo de Israel quando andava pelo deserto no tempo de Moisés sempre tinha que matar um cordeiro sem mácula para que os pecados do povo fossem perdoados, pois essa era uma exigência de Deus. Mas depois da vinda de Jesus e de sua morte Ele mesmo disse que não haveria mais necessidade desse martírio, pois o cordeiro tinha vindo e morrido pelos nossos pecados e todo aquele que crer será salvo.

Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.
Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que condenasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele.
Quem crê nele não é condenado; mas quem não crê já está condenado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus.
João - Capítulo 3 verso 16 a 18

Se todo ano eu tiver que comemorar a morte de Jesus, passando pelas mesmas situações que Ele passou, volto lá no povo de Israel no tempo de Moisés que tinha que matar um cordeiro de tempos em tempos para perdão dos pecados. Aquele tempo já se foi e hoje somos libertos ou não dos pecados através da nossa aceitação ou não de crer na vinda de Jesus e de seu martírio, pois no Evangelho de João é muito claro quando Ele escreve que todo aquele que nEle crê está salvo e o que não crê está condenado.

Não estou com isto criticando ninguém, religião nenhuma, cada um entenda como quiser, mas quem estuda a Palavra de Deus como eu estou estudando entendo muito bem que o            que vale hoje para comemorarmos é a Ceia do Senhor e entender que Jesus está vivo e virá para buscar sua igreja que somos todos nós os cristãos. O martírio foi uma só vez e que não há mais necessidade para aquele que crê de ficar comemorando todo ano a morte de Jesus.

E quando eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também. João - Capítulo 14 verso 3



Transcrições Bíblicas - Almeida Corrigida e Revisada Fiel - Bíblia Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

FILHOS DO AMOR OU DA PERDIÇÃO!

Vivemos momentos difíceis hoje em nosso País aonde a corrupção chegou há um ponto que muitas vezes nem acreditamos em mais nada e ninguém...