Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2010

O TODO

Somos Todos Um! Somos Todos Um!Porque o Todo está em tudo. Tudo é Ele. Tudo é UM.
Como parte d’Ele, também Somos Um!Como ensinavam os hermetistas de outrora,
“Nada está fora do Todo. Se algo estivesse fora, não seria mais o Todo.
Pois, então, estaria faltando um pedaço.”Quando se diz que Ele é o Todo, é porque está em tudo, sem exceção alguma. Portanto, também está em nossos corações.E em qualquer coisa que pensarmos.Sim, há um Grande Coração da Vida em nós.
Ele pulsa a luz eterna em nossos pequenos corações.Liga cada um de nós ao mesmo Amor Cósmico.
Seja estrela, espírito ou homem, em tudo Ele está!No Corão, na Bíblia, no Talmud, no Tao Te Ching, no Bhagavad-Gita, nos Vedas, no Zend Avesta,...Em O Livro dos Espíritos, no Caibalion, na Doutrina Secreta,
E em todas as obras, Ele é o cerne de tudo.Nas igrejas cristãs, nas sinagogas, nas mesquitas, nosashrans, nos centros espirituais, nos terreiros de Umbanda, nos grupos espiritualistas, nos templos budistas, e em qualquer lugar sagrado, é E…

O PODER DA PALAVRA

Em um mosteiro havia um aprendiz que fazia muitas perguntas e falava muito. Um monge muito sábio o chamou e pediu que ele pegasse um travesseiro recheado de penas e o acompanhasse. Os dois caminharam e chegaram até um topo de um monte muito alto. Após alguns minutos o monge mandou que seu discípulo rasgasse o travesseiro e lançasse as penas ao vento, mas o discípulo muito intrigado perguntava qual o motivo de tudo aquilo. O monge tranqüilo apenas disse lance às penas ao vento.Após lançar todas as penas o discípulo ficou olhando e o monge o chamou e lhe disse agora recolhas as penas e encha o travesseiro novamente. O discípulo indagou, mas não tem jeito, pois todas estão voando ao vento. O monge o chamou novamente e lhe disse: as palavras são como as penas do travesseiro, quando são lançadas jamais conseguimos recolhe-las e tomam seu destino conforme o vento as leva. Por isso temos que ter muito cuidado quando indagamos alguma coisa ou falamos, pois o que proferirmos jamais retornará e…